11 janeiro 2016

O Lado Bom da Vida

Olá! Boa noite pessoal, irei resenhar sobre o livro, O Lado Bom da Vida, que foi um livro que li ano passado! ( outubro de 2015) -  e nesse tempo o blog estava desativado, por isso não havia feito resenha. O livro é muito bom! e irei destacar (SEM SPOILERS) os pontos positivos  que li no livro, e também algumas citações para aguçar a curiosidade (no final do post) de quem ainda não leu, ou pretende ler.

Título: O Lado Bom da Vida
autor: Matthew Quick
Editora: Intríseca
páginas: 254
ano: 2013


Pat Peoples é um cara muito "sentimentalista" e meio.. meio.. louco (!?) de amor, por sua ex-mulher, Nikki. Pat passou um tempo separado dela à pedido da própria esposa, mas não se lembra do por quê. Por alguma razão, Pat estava internado em uma instituição psiquiátrica. Convencido de que passou apenas alguns meses naquele "lugar ruim".

Ao sair de lá, ele tenta recompor suas recordações, repletas de lapsos, e agora começa a ver uma realidade diferente de sua vida. Seu pai se recusando a falar com ele, a esposa negando aceitar revê-lo e os amigos evitando falar sobre o que aconteceu antes de sua internação.
Pat passa a se viciar em exercícios físicos para ficar em forma para reencontrar sua amada Nikki. está determinado a reconquistá-la, e no meio desse caminho, eis que surge Tiffany, uma jovem viúva, com idade compatível a de Pat (30 anos). Pat a conheceu num jantar com amigos, e eles passam a ter uma amizade, se encontrando frequentemente em suas corridas, eles correm juntos e conversam muito. Ela é uma mulher bem diferente de Nikki, totalmente contrária, dramática, bem, ela é um pouco estranha. Tiffy (Tiffany) propõe ajudá-lo a reconquistar sua esposa, sendo "pombo correio" dos dois. Ele passa tudo que gostaria de dizer a Nikki para Tiffy, e Tiffy transmite tudo para Nikki, Ok, isso ficou claro. Mas Tiffy não seria tão "amorzinho" e fazer isso de graça, ela precisa da ajuda de Pat para vencer uma competição de dança - se bem me lembro - de um centro de apoio para pessoas depressivas. Ela vem tentando ganhar essa competição há muito tempo! e promete que dará tudo certo com entre Pat e Nikki se ele colaborar com ela. Entre os ensaios de dança, corridas com o Pat, e Nikki correspondendo Tiffy, muita coisa vai acontecer! e o final não posso contar.



Sobre o livro em si, é divertido, tem partes engraçadas sobre a personalidade de Pat, e a forma como ele vê toda sua vida após sair da instituição psiquiátrica. Como o personagem costuma dizer, ele prefere ser gentil ao invés de ter razão. O livro é repleto de boas reflexões! e vale muito a pena ler! Já ouvi booktubers dizerem que detestaram o livro, muito fraco, etc.. A única coisa que posso dizer a respeito disso é LEIA O LIVRO!! e DEPOIS tire suas conclusões. Uma parte chata do livro - na minha opinião, claro - é que conteve muitos diálogos sobre futebol americano no livro, e isso me pareceu apenas para aumentar um pouco a quantidade de páginas, ou esfriar o clima das boas reflexões e boas conversas entre alguns personagens. Apesar disso, minha nota no Skoob para esse romance foi 5 estrelas. Sim, eu fiquei com ressaca literária depois de ler o livro e ver o filme, pq? por culpa do Pat! da Tiffy! e da Nikki! haha. Fiquem com algumas citações do livro.

CITAÇÕES DO LIVRO: O LADO BOM DA VIDA


"...No momento em que ela mais precisava de ajuda, foi abandonada, e somente quando ofereceu ajuda aos outros foi amada. Isso meio que sugere que é importante dar valor às boas mulheres em nossa vida, antes que seja tarde demais. "


"Estou praticando ser gentil em vez de ter razão."



"Eu apenas gostava de estar perto de você, mesmo
que não disséssemos nada."



Compartilhar:
← Postagens mais recentes Página inicial

Seguidores

Follow by Email

Total de visualizações